Os processos de aprendizagem organizacional e a inovação: um estudo de caso longitudinal (1986-1995) em uma empresa do setor petrolífero brasileiro

Título: Os processos de aprendizagem organizacional e a inovação: um estudo de caso longitudinal (1986-1995) em uma empresa do setor petrolífero brasileiro. (Clique para ter acesso ao Artigo Completo)

Resumo: A inovação é um dos fatores importantes para as empresas. No presente estudo, verificou-se como ocorrem os processos de aprendizagem organizacional voltados à inovação em uma empresa da indústria petrolífera. O método de trabalho utilizado foi o Estudo de Caso. Para a realização da pesquisa, que teve caráter exploratório, foram realizadas entrevistas com profissionais ligados a história da empresa. Os relatos a respeito dos processos de inovação foram descritos por meio de análise de conteúdo e, após, relacionados com a tipologia de inovação proposta por Schumpeter (1942), com os tipos de aprendizagem de Malerba (1992), com os modos de aprendizagem single e double loop de Argyris e Schön (1978), com as formas de conversão de conhecimento de Nonaka e Takeuchi (1997) e com os espaços de criação do conhecimento de Nonaka et al (1998, 2000). Os resultados da pesquisa indicam que inovações radicais, de modo geral, demandam uma gama maior de estilos de aprendizagem, em comparação com inovações incrementais. A internalização e a socialização tendem a predominar em inovações radicais. Já a externalização e combinação são mais freqüentes nas inovações incrementais. Finalmente, os resultados apontam para o fato de que as aprendizagens do tipo são relacionadas mais diretamente a inovações incrementais, ao passo que as de double loop são mais encontradas em inovações radicais.

Periódico: Revista Produção Online, v. 11, p. 526, 2011.

Autores: José Antônio Valle Antunes Jr, Ivan de Pellegrin, Rodrigo Pinto Leis, Marco Zimmer, Guilherme Luís R. Vaccaro, Daniel Pacheco Lacerda.

Analisando Algumas Ferramentas de Análise de Investimentos à Luz da Teoria das Restrições

Título: Analisando Algumas Ferramentas de Análise de Investimentos à Luz da Teoria das Restrições. (Clique para ter acesso ao Artigo Completo)

Resumo: O presente trabalho busca apresentar algumas situações nas quais a Análise de Investimento pode levar a decisões equivocadas. Essas decisões equivocadas são provocadas pela base conceitual do analista e não, das ferramentas em si. Nesse sentido, apresentam-se como os conceitos da Teoria das Restrições, quando utilizados como base conceitual para as ferramentas de Análise de Investimento, podem contribuir para a tomada de decisões. A utilização dos conceitos da Teoria das Restrições é apresentada por meio de simulações. Essa utilização sugere resultados contra-intuitivos e que gerariam maiores ganhos para a organização. Esse trabalho, além de procurar evidenciar a necessidade de uma base conceitual correta, também pode ser útil para fins educacionais. Os fins educacionais pertinentes referem-se à integração de conceitos da Engenharia de Produção e da Engenharia Econômica.

Periódico: Revista de Contabilidade e Finanças, v. 1, p. 4-15, 2010.

Autores: Luis Henrique RodriguesDaniel Pacheco Lacerda.

Aplicação das técnicas de planejamento e análise de experimentos no desenvolvimento de novos produtos em uma empresa de saneantes

Título: Aplicação das técnicas de planejamento e análise de experimentos no desenvolvimento de novos produtos em uma empresa de saneantes. (Clique para ter acesso ao Artigo Completo)

Resumo: Na indústria química o desenvolvimento de novos produtos é um fator competitivo muito importante na estratégia da empresa. O desenvolvimento ocorre principalmente a partir de dados teóricos e testes em bancadas. Porém, estatisticamente, estes testes não apresentam a robustez desejada para um projeto e, muitas vezes, necessitam de um tempo maior para o desenvolvimento do produto. Este artigo estuda a utilização de Planejamento de Experimentos em uma empresa de saneantes, para o desenvolvimento de um produto desinfetante para uso hospitalar a base de ácido peracético. A utilização do método de planejamento de experimento apresenta uma faixa de possibilidades de respostas, que variam de acordo com a análise que se deseja realizar, ao contrario do método tradicional utilizado pela empresa analisada, onde apenas uma resposta sem tratamento estatístico era gerada. O método de Planejamento de Experimentos, inicialmente, eleva os custos de análises e mão-de-obra, no entanto o mesmo economiza no tempo de resposta e na qualidade das respostas, possibilitando uma redução do custo na formulação do novo produto.

Periódico: Estudos Tecnológicos (Online), v. 5, p. 404-420, 2010.

Autores: Luis Felipe Riehs Camargo, Vinicius Moreira, Guilherme Luis R. Vaccaro.

Service process analysis using process engineering and the theory of constraints thinking process

Título: Service process analysis using process engineering and the theory of constraints thinking process. (Clique para ter acesso ao Artigo Completo)

Resumo: Purpose – The paper aims to present a case of integration between process engineering and the thinking process of the theory of constraints (TP-TOC) through the analysis of an organization's processes, pointing out the complementary aspects between the two theories and their benefits for the organization.

Design/methodology/approach – The paper has used an Institution of Higher Education as its case study. The research has started by identifying the processes of the institution and choosing one to model according to the process engineering approach. The process was then analyzed through the elaboration of the current reality tree technique. After the analysis, the evaporating clouds technique was applied in order to breach the assumptions that were avoiding the problems to be solved. Finally, the process has been redesigned based on the results of the previous steps.

Findings– The analysis of this case contributes towards understanding and identifying the causes of the current problems in the studied processes, providing a systemic and systematic view through the proposed approach.

Originality/value – The paper proposes an approach that enables a systematic and systemic analysis of organizations' processes through the use of process engineering and the TP-TOC.

Periódico: Business Process Management Journal, v. 16, p. 264-281, 2010.

Autores: Luis Henrique RodriguesDaniel Pacheco Lacerda , Ricardo Augusto Cassel.

Relações de Poder no Projeto de Economia de Comunhão

Título: Relações de Poder no Projeto de Economia de Comunhão. (Clique para ter acesso ao Artigo Completo)

Resumo: A pesquisa exploratória, aqui resumida, insere-se em um contexto de "crise" socioambiental. Tal "crise" encaminha a necessidade por mudanças transformadoras. Uma proposta de mudança, somada às já existentes, vem sendo investigada como uma forma alternativa de gestão: a Economia de Comunhão. Dentro desse tema, essa pesquisa se restringe a uma tentativa de análise do Poder nas empresas que adotam essa forma de gestão. Primeiramente, pesquisou-se, junto a empresários representativos, uma visão comum para caracterizar o objeto. Em seguida, realizou-se um estudo de caso em uma das principais empresas que se enquadram no conceito de Economia de Comunhão. O método de análise de conteúdo foi utilizado para a extração de ilações sobre o comportamento do fenômeno Poder nessas organizações. Os quadros analíticos produzidos sobre as entrevistas fornecem indícios que demonstram idiossincrasias nas formas de exercício do poder dessa nova proposta de gestão vis-à-vis as disseminadas amplamente no sistema produtivo. Tais evidências indicaram a influência decisiva dos pressupostos sustentadores do Projeto sobre as relações de poder, tornando possível uma prática organizacional próxima ao que se denomina paradigma radical humanista na teoria organizacional.

Periódico: Revista de Administração da UFSM, v. 3, p. 76-93, 2010.

Autores: Guido Vaz Silva, Daniel Pacheco Lacerda.